Oficinas Internacionais 2014

  • As Oficinas Internacionais (“talleres” em espanhol) são uma das opções possíveis de capacitação que a escola oferece. As outras são: o Curso Regular, os Cursos de Altos Estudos, as Oficinas de Pré-graduação, os Cursos Extramuros e as Assessorias de Roteiros
  • As Oficinas diferem em duração, temática, nível e requisitos.
  • Todas têm uma forte orientação prática e os professores são sempre profissionais na ativa, que dedicam parte de seu tempo ao ensino do audiovisual.
  • É bom lembrar que todas tem muita demanda e que geralmente as pessoas inscrevem-se com vários meses de antecipação.
  • Intermedi@rte (ex-Projeto Pro@rte Brasil), a través de Cuba-cursos, é representante da escola no Brasil desde 1994 para todo o referente à inscrição dos candidatos para as oficinas internacionais.

 

logoelojoylaoreja1.gif
 
Oficinas Janeiro – Dezembro 2014
(OBS: estes cursos não tem vestibular nem limite de idade)

 
 

EDIÇÃO EM FINAL CUT PRO
(2 semanas) janeiro 20 – 31 com JUAN M. GAMAZO (Espanha) 1100 Euros
O workshop tem como objetivo uma ampla compreensão e gestão do programa Final Cut Pro 7 e os vários codec e possíveis fluxos de trabalho com câmeras diferentes, desde as faixas mais baixas e populares como 5D ou P2, a maior envergadura como Red One e Alexa.
O workshop não pretende formar “editores” mais lograr familiarizar os alunos com uma das ferramentas de edição de video mais populares do mundo.

o professor: Juan Gamaza (Espanha) é formado em Estudos de Comunicação e Mestre em Roteiro para Cinema e TV roteiro pela UPSA (Pontifícia Universidade de Salamanca). Ele é graduado da EICTV na especialização edição.
vagas: 15

 

REALIZAÇÃO DE DOCUMENTÁRIOS
(3 semanas) janeiro 27 – fevereiro 14 com ROLANDO ALMIRANTE (Cuba) 2000 Euros.
Introdução à historia do documentário. Metodologia de pesquisa. Especificidades da realização de documentários como interpretação criativa da realidade. Trabalhos práticos baseados na elaboração de projetos de documentário e análise de casos concretos.

o professor: Rolando Almirante (Cuba) é realizador e produtor de documentários e programas de TV e Radio. Diretor criativo de Publicidade. Professor de meios audiovisuais da Faculdade de Comunicação da Universidad de la Habana, do Instituto Superior de Arte (ISA), alem da EICTV. Membro da Academia Internacional de Televisão, Artes e Ciências dos Estados Unidos. Graduado em jornalismo no Instituto Superior de Ciências Políticas da cidade de Lvov, na Ucrânia. Tradutor e intérprete de russo.
vagas: 16

 
ANIMAÇÃO: COMO CONCRETIZAR A IMAGINAÇÃO
(3 semanas) janeiro 27 – fevereiro 14 com EDWARD BAKST (EUA) 1200 Euros.
O objetivo desta oficina é incentivar uma maior consciência do nosso poder de imaginação e de nossos sentimentos mais íntimos e mais profundos que, se revelados, podem inspirar idéias artísticas e levar a sua realização.
Baixar programa

o professor: Edward Bakst (EUA)
Diretor de Criação, designer, professor, vice-reitor, consultor acadêmico. Diretor criativo de IDEAforia; empresa dedicada ao desenvolvimento de conceitos e idéias originais e soluções innovadoras. Profesor fundador e reitor da Nanyang Technological University em Cingapura. Consultor para desenvolvimento metodológico da Escola Tehcnologyforthe Art@ de Cingapura. Professor Associado da Faculdade de Artes da Universidade de Columbia e do Pratts, Media&Arts Institute, NYC.
vagas: 16

 

ROTEIRO CINEMATOGRÁFICO PARA ALUNOS DE LÍNGUA PORTUGUESA
(2 semanas) fevereiro 24 – março 7 com ELISEO ALTUNAGA (Cuba) 1400 Euros
Aulas teóricas e práticas sobre o processo de criação de roteiro cinematográfico. Análise e discussão de filmes selecionados e práticas com exercícios de dramaturgia. Etapas de Criação do roteiro. Acontecimento Dramático. Linha Narrativa. Estrutura por Blocos de Roteiro. Personagem Dramático. Técnicas de Roteiro.  Primeira Versão do Roteiro Literário. Contará com um tradutor para assistir nas aulas.

o professor: Eliseo Altunaga (Cuba) é um premiado escritor de romances, jornalista, ensaísta e roteirista de cinema, radio e televisão. É também professor do ISA (Instituto Superior de Arte de Cuba) e já ministrou oficinas de roteiro em diferentes países. Assina o roteiro de “Violeta se fue a los cielos”, filme chileno, ganhador do Sundance, entre outros importantes prêmios.
vagas: 18

 
ESCREVENDO PARA ATORES, ATUANDO PARA ROTEIRISTAS
(2 semanas) março 3 – 14 com MARIA DE LOS ANGELES GONZÁLES (Argentina) 1100 Euros
A metodologia é de aulas teóricas e práticas, onde os alunos participam de papel de atores, diretores ou observadores. Especialmente concebido para os atores, escritores, diretores e qualquer pessoa interessada na abordagem de construção dramática de uma perspectiva pessoal, longe das fórmulas e sobre a experiência.
Baixar programa

o professor: María de los Ángeles Gonzáles (Argentina) tem uma vasta produção teatral como atriz, diretora e dramaturga, dentro e fora do país. Roteirista. Professora Titular na Escola de Imagem e do Som da Universidade de Buenos Aires, Argentina, em Teoria e Estética da Mídia e Direção de Atores para cinema. É Ministra da Inovação e Cultura do Governo da Província de Santa Fe, Argentina.
vagas: 18

 

FOTOGRAFIA DIGITAL
(2 semanas) março 10 -28 com IVAN CASTRO (Guatemala) 1200 Euros
Para conhecer a história e os princípios estéticos da fotografia, a estrutura da imagem e que os consiga traduzir na prática a través de exercícios, utilizando uma câmera digital SLR (ou lente intercambiável) que o aluno deverá levar para usar durante o curso. Iniciação, Técnicas de Fotografia, Estilos de Fotografia, Óptica e Iluminação, A Fotografia como Profissão.?Exercícios com câmera digital semi-profissional. Técnicas de Fotografia Digital. Exercícios de campo na área da escola e na sala de aula. Análise e discussão sessões de exercícios para os alunos. Impressão de trabalhos práticos.

o professor: Ivan Castro: Fotógrafo, designer gráfico e produtor. Lecionou internacionalmente, E tem um longo caminho como designer gráfico, criou dezenas de logotipos, cartazes anúncios, jornais e outdoors. Tem trabalhado para canais de TV internacionais como CNN e Univisión. Fez várias exposições pessoais e coletivas, tem 6 livros publicados de Fotografia. Suas fotografias foram publicados em dezenas de revistas de prestígio na América Latina e Europa. Suas técnicas e tutoriais de fotografia foram publicadas em várias mídias. Ganhou prêmios nacionais e internacionais. Ele é atualmente o Presidente do Clube de Fotografia de Guatemala.
vagas: 15

 
REALIZAÇÃO CINEMATOGRÁFICA
(4 semanas) março 31 – abril 25 com HECTOR VEITIA (Cuba) y JORGE  FUENTES (Cuba) 2000 Euros
Linguagem cinematográfica. Conceito de estilo cinematográfico. Elementos básicos da narração. O diretor e o roteiro literário. Roteiro técnico. Cinema Narrativo e Cinema não Narrativo. Análise de casos. Direção e movimento de atores. Relação com o Produtor e o Assistente. Montagem.
Exercícios práticos de realização polivalentes (pré-produção, produção e pós-produção de um curta de ficção de 3 min baseado numa cena selecionada pelo professor. Cada aluno dirigirá seu próprio curta e também trabalhará alternativamente como produtor, assistente de direção, diretor de arte, assistente de câmara, técnico de som, iluminador e script nos trabalhos dos seus companheiros. Os exercícios terminados serão analisados pela turma e apresentados ao resto da escola no final do curso.

professores:
Héctor Veitía: Graduado em Língua e Literatura Hispânica na Universidade de Havana. Começou a trabalhar no ICAIC (Instituto Cubano de Arte e Industria Cinematográficas) em 1961. Realizou mais de trinta documentários em cinema e vídeo. Co-dirigiu “Mujer transparente”, premiada em Havana, San Sebastián, Huelva, Trieste e Leipzig. É professor e Chefe do Departamento de Oficinas Internacionais da EICTV.

Jorge Fuentes: Graduado em Língua e Literatura Hispânica na Universidade de Havana. Poeta, cineasta, roteirista, jornalista. Recebeu importantes prêmios e distinções nacionais pela sua extensa obra literária e audiovisual. É professor Titular de Comunicação Audiovisual no ISA (Instituto Superior de Arte de Cuba), Membro das Executivas do Movimento Nacional de Vídeo de Cuba e da Asociación de Cine, Radio y Televisión da Unión de Escritores y Artistas de Cuba (UNEAC).
vagas: 15

 

ROTEIRO CINEMATOGRÁFICO
(2 semanas) abril 21 – maio 2 com JUAN MADRID (Espanha) 1300 Euros
Aulas teóricas e praticas sobre o processo de criação do roteiro cinematográfico passo à passo. Análise e discussão de filmes selecionados e práticas com exercícios de dramaturgia. O objetivo da oficina é converter o aluno (caso ainda não o seja) em um contador de histórias, dominando a arte de narrar aplicada ao roteiro de cinema, para roteiros de curta ou longa-metragem. No final do curso, o estudante terá elaborado um projeto de roteiro de longa ou finalizado um roteiro para um curta de 15 min.

o professor: Juan Madrid (Espanha) Um dos mais importantes escritores espanhóis contemporâneos formado na Universidade de Salamanca. Escritor de romances, roteirista de cinema e tv, realizador de documentários e diretor de um filme de ficção:“Tánger”. Seus livros publicados (47) foram traduzidos a 18 idiomas, incluindo o chinês. Ministra cursos em universidades de 3 continentes assim como na EICTV. Três de seus romances foram levados as telas. Seus últimos livros publicados são “Bares Nocturnos” e “Cuentos Completos”.
vagas: 18

 

TRABALHANDO COM ATORES: TÉCNICAS MEISNER/MAMET PARA DIRETORES E ATORES
(3 semanas) maio 5 – 23 com STEPHEN BAYLY (Grã Bretanha) 1600 Euros
Elia Kazan disse uma vez que “trabalhar com um ator treinado por Meisner é uma benção”. Este curso prático foi concebido por Stephen Bayly do Actor’s Temple de Londres seguindo os princípios e técnicas de trenamento de atores Meisner/Mamet para o trabalho conjunto de diretores e atores. Inclui exercícios básicos do método Meisner, a preparação emocional do ator, a construção do personagem e a decupagem de cena. Os diretores ficam no lugar do ator para entender o processo.

os professores:
Stephen Bayly: Antes de se formar em direção na prestigiosa Escola Nacional de Cinema de Londres (hoje NFTS), estudou literatura inglesa, dramaturgia, urbanismo e arquitetura no McDaniel College, na Johns Hopkins University na University of Pennsylvania .Além de dirigir filmes para TV na Grã Bretanha, foi produtor junto com Lisa Katselas, Richard III (1995) e Mrs. Dalloway (1996).  Em 1997 assumiu a Direção da NFTS.  Em 2003 deixou a Escola para criar a Sly Fox Films e começou a focar no estudo do método Sanford Meisner com Tom Radcliffe. Continua até hoje o trabalho com atores desde o Laboratório do Actor´s Temple e ministrando cursos na Grão Bretanha e outros países
vagas: 18

 

REALIZAÇÃO DE DOCUMENTÁRIOS
(3 semanas) maio 12 – 30 com JORGE FUENTES (Cuba) 2000 Euros
A idéia base como núcleo original da obra. Tema. Pesquisa. Tratamento. Estética e especificidades do gênero. Entrevista: vantagens e desvantagens. O personagem. Dramaturgia: ficção ou documentário? As mediações cinematográficas. O desenho da imagem. Pré-filmagem/filmagem/roteiro de montagem/montagem/sonoplastia. A formação da equipe e os códigos de relação com os diferentes especialistas. Realização dos exercícios.

o professor: Jorge Fuentes é graduado em Língua e Literatura Hispânica na Universidade de Havana. Poeta, cineasta, roteirista, jornalista. Recebeu importantes prêmios e distinções nacionais pela sua extensa obra literária e audiovisual. É professor Titular de Comunicação Audiovisual no ISA (Instituto Superior de Arte de Cuba), Membro das Executivas do Movimento Nacional de Vídeo de Cuba e da Asociación de Cine, Radio y Televisión da Unión de Escritores y Artistas de Cuba (UNEAC).
vagas: 16

 

FOTOGRAFIA DIGITAL SUBMARINA
(3 semanas) junho 2 – 20 com JOSÉ CAIBANO (Cuba) fotografia submarina, CARLOS MORENO (Cuba) mergulho e GABRIEL KERKEGAND (México) Assimilate. 2500 Euros
Além do certificado académico de conclusão de curso outorgado pela EICTV os alunos também receberão o certificado internacional “Open Water Diver” (OWD).
Mergulho: Introdução ao equipamento leve, Sinais, Relação entre pressão e volume, princípios e uso de auto-contido (de mergulho), básico fisiologia, tabelas de descompressão, dispositivos de flutuação, roupas de mergulho e outros equipamentos, cuidados com o equipamento, auto-salvamento e companheiro, a segurança do mergulho, vida marinha e do meio ambiente.
Fotografia: Fenômenos e elementos físicos que causam a perda de luz sob a água, Câmeras Digitais, tipos de câmeras digitais, D-SLR elementos ópticos, housings para câmera digitais, Suplementos, Flashes subaquáticos, Cuidados e manutenção de equipamento fotográfico, elementos básicos para controlar a exposição, luz e exposição, alguns conceitos de fotografia, TTL (através da lente) Definir o Flash ou os flashes, as regras gerais de composição, processamento de imagens.
Requisitos: O aluno deve ter seguro de saúde e apresentar, antes do início do curso, um certificado médico de seu país que certifique que ele está apto para mergulhar. Além disso, uma vez que a EICTV também é pré-requisito de cada participante para ler e assinar a “Declaração de Entendimento normas de segurança de mergulho” (documento que pode ser baixado em pdf). Após a conclusão do curso, o aluno deve estar em boa condição física e boa saúde.

os professores:
Carlos Moreno (Cuba)
Instrutor de mergulho. Divecom Instrutor SSI, ACUC Instrutor SNSI a partir dos anos 2000, 2003 e 2005, respectivamente. Professor da Escola Internacional de Cinema especializado em mergulho para alunos do curso regular e instrutor de fotografia subaquática do International Center Navy Diving Tarara, Cuba.

José Caibano (Cuba)
Divecom SSI Instrutor desde 2006 e SSI de Fotografia Submarina desde 2007. Ganhador de prêmios em competições internacionais, campeão da categoria nacional macro, campeão geral no Open de Cayo Largo del Sur e Maria la Gorda. Membro da equipe nacional de Cuba que vai participar do campeonato mundial CMAS de 2013.

Gabriel Kerlegand (México) (Assimilate)
Trainer, VFX Supervisor & 3DS Specialist, É professor do Curso Regular de dos Cursos de Altos Estudos. Tem 10 Anos de experiência no desenvolvimiento de sistemas de produção e pós-produção estereoscópica.

Baixar programa

vagas: 20

 
O ATOR E A CÂMERA: DIREÇÃO DE ATORES PARA AUDIOVISUAL
(2 semanas) junho 9 – 20 com EDUARDO EIMIL (Cuba) 1400 Euros
Fundamentos teórico-práticos da arte de Direção de atores com ênfase nos meios audiovisuais. Ferramentas para o trabalho do ator frente à câmera. Semelhanças e diferenças entre a atuação para teatro e para meios audiovisuais. A formação do ator e sistemas de atuação: Actor’s Studio, Lee Strasberg, Uta Hagen e Sanford Meisner. Exercícios para trabalho com emoções. Idéia de Elenco. Estilo. A formação do ator. Teorias e escolas. Estilos de direção de atores. Ensaio. Construção do personagem e teoria das polaridades. Trabalhos práticos de cenas.

o professor: Eduardo Eimil é roteirista e diretor de “El Televisor” e “La Maldita Circunstancia”, entre outras. Professor de atuação do Instituto Superior de Arte (ISA). Professor de Direção de Atores e de Realização Videográfica de Ficção na Universidad Autónoma de Cali, a Universidad del Valle e a Universidad Javeriana da Colômbia. Diretor e Dramaturgo de “Nuestro Pueblo”, “Zoológico de Cristal” “El Gallo Electrónico”, entre outras. Ganhador de vários prêmios Nacionais e Internacionais.
vagas: 18

 
ROTEIRO CINEMATOGRÁFICO
(2 semanas) junho 23 – julho 4 com FRANCISCO LOPEZ ALVAREZ (Cuba) 1400 Euros
Aulas teóricas e praticas sobre o processo de criação do roteiro cinematográfico passo à passo. Análise e discussão de filmes selecionados e práticas com exercícios de dramaturgia. O objetivo da oficina é converter o aluno (caso ainda não o seja) em um contador de histórias, dominando a arte de narrar aplicada ao roteiro de cinema, para roteiros de curta ou longa-metragem. No final do curso, o estudante terá elaborado um projeto de roteiro de longa ou finalizado um roteiro para um curta de 15 min.

o professor: Francisco López Alvarez (Cuba): Narrador, ensaísta e professor de arte. Formado em Língua Espanhola, Premiado internacionalmente, tem publicado novelas, contos e ensaios em vários países.
vagas: 16

 

PRODUÇÃO DE CINEMA DE BAIXO ORÇAMENTO
(2 semanas) junho 30 – julho 11 com HÉCTOR TOKMAN (Argentina) 1300 Euros
A produção criativa nos filmes de “baixo orçamento”. Realização de um “Design de Produção” desde o ponto de vista dos novos formatos digitais. Análise de roteiro para cada etapa da produção. Ferramentas para resolver as limitações de orçamento. Atividades práticas incluindo improvisação: Business Roundtable com “Pitching”.

o professor: Héctor Tokman: Comunicador Audiovisual da Faculdade de Cinema da Universidad Nacional de La Plata. Trabalha profissionalmente com câmera, fotografia, roteiro, direção e produção.
Co-fundador da Escola de Cinema em Mendoza (1990) e Diretor da Escola de Cinema, Vídeo e Televisão da Escola de Comunicação da Universidad del Mar em Valparaiso. (2002-2011). É o produtor executivo de três longas-metragens feitos por alunos da Escola de Cinema. Atualmente trabalha como professor no ERCCV, desenvolve projetos como roteirista e diretor, assessorias e treinamento para INCAA e a Secretaria de Cultura da Província de Mendoza.
Baixar programa

vagas: 16

 
REALIZAÇÃO DE DOCUMENTÁRIOS AMBIENTAIS?
(3 semanas) junho 30 – julho 18 com PAUL REDDISH (Reino Unido) 1800 Euros
PROJETO PAN-CARIBENHO DE FILMES SOBRE MEIO AMBIENTE.
Dirigido a cientistas, docentes, funcionários governamentais e/ou de ONGs, assim como qualquer outro profissional da comunicação com interesse em aprender as técnicas especializadas para filmar documentários sobre a fauna e a natureza. O objetivo é que os participantes aprendam a pesquisar, filmar e editar seus projetos com padrão broadcasting. Cada estudante finalizará o curso tendo realizado um documentário em equipe. Os equipamentos utilizados serão ministrados pela oficina e com apoio de uma equipe técnica profissional (operador de câmara, técnico de som, iluminador, editor)
o professor: Paul Reddish (Inglaterra): Depois de terminar seus estudos na Universidade de Edimburgo em 1981, entrou na BBC. Em 1997, deixa a BBC para montar sua própria produtora Free Spirit Film, focada em temáticas relacionadas à historia natural, ciência e antropologia.Tem produzido, dirigido e escrito roteiros de 25 filmes, muitos deles premiados internacionalmente. Colaborou com Sir David Attenborough em varias ocasiones. É conferencista e professor visitante da Universidade de Salford.
vagas: 16
 

MONTAGEM: ESTRUTURA E RITMO
(2 semanas) julho 7 -18 com BERTA FRIAS (Espanha) 1200 Euros
Ao longo do workshop será feita a montagem de diferentes seqüências para serem analisadas posteriormente. Da análise comparativa surgirá uma reflexão sobre as várias propostas narrativas e sobre as diferentes sensibilidades e pontos de vista. Sendo uma oficina teórica e prática, os temas abordados na fase teórica, ser ao revisitados ao aparecerem as dificuldades práticas durante o processo de montagem.
Estudos de caso de seqüências selecionadas de grandes diretores, em oposição às seqüências de séries de TV.

a professora:Berta Frias tem uma vasta experiência como montadora / editora, tendo participado em 10 longas metragens. Também liderou equipes de edição de curtas-metragens, making of e programas de TV.
Neste link você pode ver uma amostra de seu importante trabalho como editora.

vagas: 15

 

CINEMA-ANIMAÇÃO: ROTEIRO, STORY-BOARD E DESENHO DE PERSONAGENS
?(2 semanas)  julho 14 -25 com THOMAS WELSS (Chile) 1200 Euros
Inclui a realização de um ou mais roteiros e story-boards narrativos ou experimentais de animação 2D, Stop Motion bidimensional, Pixelação, Collagem, Técnicas mixtas ,etc. O trabalho será realizado em grupo ou individualmente.

o professor: Thomas Welss (Chile) é professor e diretor de cinema de animação 2D. Estudou Arte na Universidad de Chile e fez post-graduação em animação na Academia de Belas Artes de Stuttgart onde estudou com Heinz Edelmann (diretor de arte do mítico filme de animação “Yellow Submarine”. Atualmente é professor da Univeridad de las Américas e já ministrou workshops no Chile, na Venezuela, na Colômbia, na Espanha e na Argentina. Seus filmes receberam prêmios em festivais internacionais e também participou como júri em eventos na área de animação.
vagas: 16

 

OFICINA AVANÇADA DE ROTEIRO E DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS
(5 semanas) setembro 8 – outubro 10 com FRANCISCO LOPEZ ALVAREZ (Cuba), INÊS BRAGA (Portugal) 2200 Euros
Estruturas narrativas literárias. Roteiro cinematográfico. Arte Narrativo: Pensamento Narrativo. Categorias funcionais do Discurso Narrativo. O Pensamento Dramático. A Evolução do Modelo Dramático.  Categorias Funcionais do Discurso Dramático. O Roteiro como Sistema de Representação: Estrutura. Elementos do Roteiro. Modelo de Representação para o Trabalho do Roteirista. Metodologia de Trabalho do Roteirista. Moduladores de Percepção. Moduladores de Tempo.
Desenvolvimento de Projetos:  Desenvolvimento de um projeto pessoal trazido por cada aluno. Análise de projetos, assessorias grupais e individuais.  Preparação do dossié profissional do projeto orientado a busca de financiamento e pitch.

os professores:
Francisco López Alvarez: Narrador, ensaísta e professor de arte. Formado em Língua Espanhola, Premiado internacionalmente, tem publicado novelas, contos e ensaios em vários países.

Inês Braga: Roteirista de ampla experiência radicada em Londres Entre seus trabalhos mais recentes estão o longa Alice encomendado pela HBO Latino-américa, dirigido por Sergio Machado e Karim Ainuz.
vagas; 20
nível: avançado

 

COMO TIRAR O SEU PROJETO DE CURTA DO PAPEL
(2 semanas) setembro 15 – 26 com BERTHA FRIAS (Espanha) 1200 Euros
Montar e realizar os ajustes no projeto de curta apresentado ao workshop. Entender o que é importante para contar a história, para definir os personagens, o que deve necessariamente ficar em imagens, na tela e o que devemos tirar pelo bem da história. Aprender a metodologia clássica da montagem, independentemente do suporte. Analisar a estrutura narrativa mais lógica em função do que você quer dizer. Como maximizar a metragem, criar ritmo e produzir emoção.

a professora: Berta Frias tem uma vasta experiência como editora, participando de 10 longas como chefe da equipe Tem também créditos de edição de curtas-metragens, making of e um programa de TV.
vagas: 15
 

REALIZAÇÃO DE DOCUMENTÁRIOS
(3 semanas) setembro 15 – outubro 3 com BELKIS VEGA (Cuba)  2000 Euros
Origem e definição. Fundamentos e história: a obra de Robert Flaherty, os primeiros teóricos…. O Documentário como pesquisa da realidade. A documentarista esquecida: Leni Riefenstahl. O Cinema direto. O documentário de denúncia social. Jornalismo e documentário.  A obra de Santiago Álvarez. Ficção e Documentário. Cada tema analisado vai acompanhado de projeções de documentários. Trabalhos práticos baseados na realização individual de um documentários da idéia até a pós-produção. Os exercícios terminados serão analisados pela turma e apresentados ao resto da escola no final do curso.

a professora: Belkis Vega é roteirista e diretora de cinema, tv e vídeo. Dirigiu mais de 50 documentários e 3 filmes de ficção para televisão. Ganhou múltiplos prêmios internacionais. Foi professora no ISA (Instituto Superior de Arte de Cuba), nos EUA, Brasil, México e Espanha. Além de dar aulas na EICTV, atualmente é professora titular do Mestrado de Roteiro organizado pela Fundación Taller de Guionistas com a Universidade de Barcelona e do Mestrado de Documentário da Escuela de Cine de Barcelona – ECIB. Sua experiência como correspondente de guerra reforçou seu extenso trabalho acadêmico sobre historia e realização de documentários em instituições cubanas e internacionais.
vagas: 16

 

REALIZAÇÃO E PRODUÇÃO E  DE CINEMA E TV PARA CRIANÇAS E JOVENS
(3 semanas)  outubro 13 – 24 com ALEJANDRO MALOWICKI (Argentina) 1300 Euros
O objetivo é capacitar aos participantes no desenho de projetos para cinema e televisão dirigidos a crianças e jovens. Ênfase nas especificidades do gênero e sua importância como ferramenta educacional. A linguagem audiovisual orientada a crianças e jovens. A imagem da infância a través do tempo. Conteúdos e formas de expressão em função das diferentes etapas evolutivas da criança. Influências e aportes da literatura infantil à linguagem audiovisual. Realização de uma produção audiovisual dirigida à crianças e jovens: Formatos no cinema, TV, desenho animado. Efeitos especiais. O gênero didático. A literatura infantil.

o professor: Alejandro Malowicki é formado em Cinema na Escuela Superior de Bellas Artes da Universidad de la Plata. É diretor e produtor de filmes e programas de televisão para crianças e jovens. É também professor em diversas universidades. Seus trabalhos e programas tem obtido prêmios em festivais internacionais.
vagas: 15

 

DA PRODUÇÃO DE CAMPO A PRODUÇÃO EXECUTIVA NO MERCADO INTERNACIONAL
(6 semanas) outubro 20 – novembro 28, com especialistas internacionais coordenados por SANFORD LIEBERSON (USA-Inglaterra) 3000 Euros
O papel do produtor, produção do grandes estúdios vs cinema independente. Desenvolvimento de projetos e o papel do produtor.  Introdução ao Pitch. O mercado de televisão. Plano de filmagem e orçamento. Co-produções, venda internacional, distribuição e exibição. Problemas legais.

diretor da oficina: Sanford Lieberson (USA- Inglaterra) Produtor independente. Chefe do Departamento de Produção da National Film and Televisión School. Especialista em distribuição de filmes na Inglaterra. Foi presidente supervisor de produções internacionais da MGM e presidente de produção da 20th Century Fox.  Seu trabalho inclui filmes de grande sucesso como “Alien”, “Julia”, “Chariots of Fire” e “Blade Runner”, entre outros. Supervisionou o lançamento internacional de filmes tão diversos quanto “Star Wars” e “Novecento”.
vagas: 20
nível: avançado

 
DIREÇÃO DE CENA
(4 semanas) outubro 27 – novembro 21 com CORINA MESTRE (Cuba) 1800 Euros
Breve panorama da atuação dos gregos até hoje. Meios de atuação: teatro, cinema e televisão. Elementos imprescindíveis do Diretor para seu trabalho com o ator. Trabalho de mesa: Análise dos elementos dramatúrgicos que incidem no trabalho de direção de atores. Cadeia de pensamento o monólogo interno. Cadeia de Ações. Estruturas dramáticas. Técnicas de atuação, improvisação. Mis-en-scène.

a professora: Corina Mestre é atriz e teatróloga. Chefe da Cátedra de Atuação do ISA (Instituto Superior de Arte de CUBA). Entre os muitos prêmios que já recebeu estão algumas das mais altas distinções da cultura cubana como: a medalha Nicolás Guillén e o Prêmio Majadahonda da UNEAC (União de Escritores y Artistas de Cuba); assim como também prêmios internacionais como o Cervantino em México, o Prêmio do Festival de Sitges (Espanha) e do Festival de Teatro de Moscou. Ganhou também o Prêmio Hola da Associação de Artistas e Críticos Hispanos de Nova York.
vagas: 15

 

CURADORIA, PRODUÇÃO E NETWORKING DE MOSTRAS E FESTIVAIS DE CINEMA
(2 semanas) novembro 17 – 28 com PATRICIA MARTIN (Brasil-Italia) 1300 Euros
Oficina dirigida a diretores, produtores e programadores de festivais emergentes assim como a produtores culturais interessados em desenvolver mostras audiovisuais. Também poderão participar profissionais da comunicação, produtores e realizadores interessados em aprender a navegar o circuito internacional de festivais de cinema.

Os festivais como circuito de distribuição alternativa. Posicionamento, sustentabilidade e planejamento estratégico. A Arte de Programar um festival de cinema. Financiamento, patrocínio e marketing. Branding. Cross-media. Bilheteria. Turismo de festivais. Implementação e logística. Recursos humanos. Print traffic. Simpósios e Seminários. Intersecções com a indústria. Relações públicas e imprensa. Da aldeia global à aldeia local: formação de público e responsabilidade social. Festivais 2.0: blogs, integração de comunidades sociais na web plataformas móveis.
Cada estudante poderá trazer uma proposta ou projeto para um festival ou mostra, que será desenvolvido a analisado durante a oficina.

a professora: Patricia Martin é formada em Ciências Políticas na Argentina, com pós-graduação no Japão, na Espanha e nos EUA. Tem ampla experiência profissional na implantação e gestão de projetos de formação em comunicação audiovisual e também na coordenação e programação de mostras e festivais internacionais de cinema e novas mídias. Entre outras funções foi Diretora de Relações internacionais da EICTV, consultora para as Media & Visual Arts Residencies do Banff Centre for the Arts de Canadá, diretora do Centro de Realização Audiovisual do Instituto Dragão do Mar, em Fortaleza, Programadora da Mostra Ibero-americana do Cine Ceará e Gerente de Desenvolvimento e Conteúdos Web do Festival Internacional de Cinema em Guadalajara e do Festival CineCeará. É Responsável pela Assessoria de imprensa internacional e curadora, junto com Alfredo Calvino, da Mostra Competitiva Internacional do Amazonas Film Festival, entre outros.
vagas: 20

 

ASSISTÊNCIA DE DIREÇÃO E SCRIPT (CONTINUÍSTA)
(2 semanas) novembro 24 – dezembro 5 com ANDRÉS BUITRAGO (Colômbia) 1100 Euros
Testar na prática no set de filmagem com funções definidas, o papel da assistente de direção e script (continuista). Fornecer aos alunos as ferramentas necessárias para implementar os requerimentos do diretor no set. Reforçar a compreensão do aluno sobre o processo de realização audiovisual e suas diferentesetapas, e os mecanismos de controle dos recursos de cena (o trabalho do assistente do diretor) e do material gerado nas filmagens (o trabalho do script ou continuísta).

o professor:Ele se formou em 2003 pela Escola Internacional de Cinema e Televisão de San Antonio de los Baños, Cuba (EICTV), graduou-se na especialidade de Direção. Sua tese, o curta Paraíso Extraviado, competiu em vários festivais internacionais, incluindo Havana, Cartagena e Mar del Plata.
vagas: 15

 

DESENVOLVIMENTO DE HISTÓRIAS CINEMATOGRÁFICAS
(2 semanas) novembro 24 – dezembro 5 com ERIK KNUDSEN (Reino Unido) 1500 Euros
Aulas Teóricas e práticas sobre o desenvolvimento de histórias. Consultorias individuais, desenvolvimento de um primeiro tratamento do roteiro. Principais conceitos relacionados com a criatividade, história e narrativa. Desenvolvimento de várias narrativas e contos baseados em sua própria experiência. Ferramentas de imagens narrativas visuais e auditivas para explorar os problemas em articular os sentimentos e experiências. Como contar histórias eficazes usando narrativa visual e auditiva .

o professor:Erik começou a sua carreira criativa como músico e diretor de teatro, em Londres e Toronto.
Ele agora dirige sua própria produtora “One Day Films Limited”. Entre os seus trabalhos mais recentes estão “Vanilla
Chip (17 min. Documentário, 2009) e o longa-metragem, The Silent Accomplice (2010).
vagas: 12

 
 
CONFIRA TAMBÉM O CALENDÁRIO DE CURSOS DE ALTOS ESTUDOS:

  1. Iniciação à Arte do Documentário criativo (27 de janeiro – 14 de fevereiro)
  2. O roteiro do século 21 (3 – 21 de fevereiro)
  3. Introdução ao Design de Produção (17- 28 de fevereiro)
  4. Curta-metragem de ficção (24 fevereiro – 14 de março)
  5. O roteiro do século 21 (24 de fevereiro – 14 de março)
  6. Pós-produção e Assimilate Scratch para cinema e TV (17 -28 de março)
  7. Mis-en-scène cinematográfica: o ator, o espaço e a câmara (17 março – 25 de abril)
  8. Como contar e animar uma história (7 – 25 de abril)
  9. Roteiro para web série. Transmedia (5 – 23 maio)
  10. Re-escritura de Roteiro (jun 9 – 20)
  11. Design de figurino (jun 23 – jul 25)
  12. Da Concepção da Cor até a Pós-produção com Assimilate Scratch (15 de setembro – 3 de outubro)
  13. Direção de Arte (6 de outubro – 14 de novembro)
  14. A construção do Documentário no Campo audiovisual (13 – 31 de outubro)
  15. Laboratório Documental (24 de novembro – 5 de dezembro)

 

 
 

os preços incluem: matrícula + hospedagem + refeições na escola

Mais informações:

Quero baixar guias GRATIS

Quero baixar guias GRATIS

Você receberá nossa Newsletter com as últimas novidades sobre as oficinas e cursos da EICTV.

Obrigado por assinar o nosso newsletter.

Pin It on Pinterest

Achou interessante?

Compartilhe com os amigos. A gente agradece! :)